Entretenimento, Livros

Eu receberia as piores Notícias

by Mani Piñeiro-
eu-receberia-as-piores-noticias
"O segredo, dizia Chang, o china da loja, não é descobrir o que as pessoas escondem, e sim entender o que elas mostram."

 

Adaptado para o cinema em 2012, Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios conta a história de Cauby, um fotógrafo que se apaixona pela Lavínia, uma mulher casada com o Pastor da cidade que apresenta múltiplas personalidades.

 

"Quem me contava isso era a Lavínia doida. A que eu, de brincadeira, chamava de Shirley. Aquela que a Lavínia mansa, a séria, xingava de vadia. Era bem mais do que dupla personalidade. Era uma doença. E não tinha cura. E eu adoeci daquela mulher. Contraí o vírus da sua insensatez."

 

Local de garimpo com constantes confrontos, sabemos que a trama se passa interior do Pará, em local hostil, onde todos acabam sabendo da vida dos moradores, mas o nome da cidade não é revelado.

Marçal Aquino, que também adaptou para cinema “O Cheiro do Ralo” – filme sensacional, é a grande estrela do livro. A escrita de Aquino é envolvente, dinâmica, cativante. Sem identificar os diálogos visualmente (com travessões, aspas e etc como estamos acostumados), o autor consegue apresentar um outro ritmo de narrativa que é feito com tanta maestria que, por mais confuso que possa parecer, é fluida e já na terceira página estamos mergulhados e envolvidos com o livro.

 

MP_ER - 02

 

A história nos apresenta à vida do Cauby e da Lavínia antes deles se conhecerem, explicando o que os levou a parar naquela cidadezinha e o motivo de jamais terem saído de lá.

Apesar de termos como personagens principais o Cauby e a Lavínia, o livro nos traz uma quantidade considerável de personagens e todos são fortes, tratados de maneira que é impossível passar por algum deles e dizer que são sem importância para a história.

"Lavínia tinha o hábito de rebatizar tudo ao redor. Cadeira virava enofa. Travesseiro era fenola. Chamava lâmpada de bria e cachorro de bagué. Não sei que nome dava ao amor."

Uma montanha russa de acontecimentos que, com certeza, vai te surpreender do início ao fim das páginas. Recomendo demais a leitura de “Eu receberia as piores notícias dos seus lindos lábios”. Não deixem de ler!

 

Comments

comments

Mani Piñeiro

Comments

comments

  • Bianca Silveira

    Não conhecia, mas parece ser muito bom, vou colocar na minha lista.
    Beijos
    Bluebell Bee

    • Coloque mesmo, Bia! É maravilhoso <3

  • Lívia Alli

    eu ja li esse livro e amei! é msm MUITO bom, ótima indicação

    http://www.tofucolorido.com.br

    http://www.facebook.com/blogtofucolorido

    • Não é maravilhoso? <333

  • Lorraine Faria

    Curti o jeito que você descreveu a narrativa. Será que lembra Vidas Secas? E achei o título a coisa mais criativa, sério mesmo! O autor me fisgou por ele 😀 beeeijos

    Ja fomos legais

    • Eu comprei o livro pelo título também, antes mesmo de saber a história ou ler resenha… Quando li o livro fiquei deslumbrada, não esperava uma coisa tão genial!

  • Natasha Romaszkiewicz

    Maniiiiii! Eu nao sabia que era livro, menina! Só tinha ouvido falar no filme, mas nunca assisti! Nem sabia que essa era a história! Fiquei MUITO curiosa para ler/assistir!!

    Um beijo, Na!
    http://www.hamburguesinha.com.br

    • Eu não vi o filme, Na, mas li algumas resenhas falando o filme não é nem 1/200 tão bom quanto o livro… Leia leia <3
      =*

Translate »